Exercício de Escrita: Balanço de 2021

Bom eu não sei como é para você que está lendo do lado aí, mas para mim o final do ano é sempre uma mistura de balanço reflexivo e as vezes bate até uma bad na hora de relembrar tudo que aconteceu mas, também, vem uma esperança renovada sobre o que poderei sonhar e realizar no ano novo que se aproxima.

Como eu amo a escrita e uso qualquer desculpinha que posso para escrever eu sempre tiro um tempinho no fim do ano para listar pelo menos 10 itens sejam de acontecimentos felizes que marcaram meu ano, ou de situações em que eu me senti orgulhosa ou grata e fazer uma oração a Deus por essas bênçãos e por outras tantas que nem me lembro.

Mas esse ano eu resolvi fazer algo diferente além de listar as coisas boas eu decidi fazer um resumo de como o ano foi pra mim como um tudo. Incluindo as coisas desagradáveis e desafiadoras também.

E, com esses post, eu quero convidar a fazer o mesmo. Vamos juntos?

Separe um tempo e faça esse exercício simples para se conectar com como foi o seu ano de 2021

Fique em silencio e medite um pouco ou, se você preferir, coloque sua música favorita. Mas que seja uma música feliz pra elevar a energia, combinado?

Pense. Sinta. Relembre.

Aqui vão algumas perguntas que eu acho que podem te ajudar nesse processo de reflexão:

  • Como você se vê no início do ano e como você se vê agora?
  • O que você aprendeu?
  • O que você fez e que mais se orgulha esse ano?
  • Quais foram as melhores coisas que aconteceram?
  • Quais foram as coisas pelas quais você se sente mais grato?
  • Quantos sonhos você realizou e quantos novos sonhos você criou?
  • Quantas surpresas boas você teve? Ou nem tão boas assim que testaram a sua resiliência?
  • Como você se tratou e se acolheu nos momentos fáceis e nos momentos difíceis?
  • Quais novos hábitos adquiriu e manteve?
  • Quais os seus maiores aprendizados?
  • O que de 2021 você pretende manter em sua vida em 2022?

Esse exercício não é para ser um peso. É para que nós tenhamos consciência clareza do que nós vivemos, passamos vencemos e evoluímos em um ano que certamente não foi um dos mais fáceis muito de nós e eu me incluo nessa lista.

Lembre-se que você foi a melhor pessoa que poderia ter sido para si mesmo e para os outros. Tenha certeza disso. Você fez o melhor que podia assim como eu fiz, assim como todos nós fizemos.

Boa reflexão!

Um abraço apertado e feliz 2022!

Nane.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s